anuncie-aqibaner_guia
 personal-info

Tempo

RSS

Cianorte News Cianorte News

Assine nossa Newsletter

Nome:

Email:



Opinião
“Essas manifestações mostraram que o Brasil está vivo”, avalia Zeca Dirceu
Escrito por juliano secolo   

zeca-dirceu-
Em pronunciamento no plenário da Câmara nesta terça-feira  (18), o deputado federal Zeca Dirceu considerou as manifestações por todo o Brasil como uma forma legítima da população reivindicar seus direitos. "Desde que seja de forma pacífica", destacou. O parlamentar condenou a forma agressiva com que a Polícia Militar tratou alguns dos manifestantes, que são “pessoas de bem, em sua maioria”. 

Add a comment
Leia mais...
 
DILMA JÁ TEM SEUS INDIGNADOS
Escrito por juliano secolo   
* Amadeu Garrido
 
“Dilma já tem seus indignados”. Esse é o título de uma matéria de Juan Arias para o jornal El País. Será que se trata de um terrorista e não de um crítico, segundo objurgou a Presidente uma parte da imprensa e da opinião pública brasileira? Para a Presidente, ao falar na Rocinha, críticas devem ser admitidas, mas não terrorismo. Pela primeira vez na história deste país, vemos um (a) presidente da República verberar contra o terrorismo verbal, uma "contradictio in adjecto". Se as palavras exigem precisão, e ainda assim são precárias, não se pode agregar a opiniões o sentido de terrorismo. Ao terrorismo está vinculado necessariamente à agressão física, localizada, com o escopo de espalhar o medo em toda a comunidade. 
Add a comment
Leia mais...
 
A MULHER DE ONTEM
Escrito por juliano secolo   
Nem faz muito tempo assim. A geração de minha mãe foi uma geração criada com extremo rigor e a mulher sempre foi muito vigiada. A mulher era criada e educada para casar e parir. As prendas domésticas, como bordar, costurar, cozinhar, e nas classes mais ricas, saber música, era uma obrigação da família ao educar suas fêmeas. As roupas deveriam cobrir até os tornozelos, e os braços, mesmo no calor, nunca poderiam estar descobertos. O namoro era apenas um sinal que a família dava ao pretendente que a donzela já tinha chegado aos 15 anos, portanto, estava pronta para o matrimônio. E as mulheres iam parindo até acabar o ciclo dos óvulos maduros, isto é, uma família com doze, catorze filhos era uma família considerada média e comum.
Add a comment
Leia mais...
 
Cuidado com seu ombro durante as aulas de pilates
Escrito por juliano secolo   
O ombro é uma articulação bastante complexa e a mais móvel de todo o corpo humano, entretanto, é considerada pouco estável por sua anatomia articular, especialmente na articulação glenoumeral. Esta grande mobilidade e menor instabilidade podem ser atribuídas à frouxidão capsular associada à forma arredondada e grande da cabeça umeral e rasa superfície da fossa glenoide, sendo necessária harmonia sincrônica e constante entre todas as estruturas estáticas e dinâmicas que mantêm sua biomecânica normal (METZKER, 2010).
Add a comment
Leia mais...
 
LEGÍTIMO DIREITO AO SOSSEGO
Escrito por juliano secolo   
No mês de maio, precisamente no dia 23, deste ano, na Grande São Paulo (Condomínio na região de Alphaville – Santana de Parnaíba), uma briga entre vizinhos terminou na morte de três pessoas. Motivo da discussão teria sido barulho em um dos imóveis, de acordo com informações, um morador teria ficado irritado com o barulho do apartamento de cima e subiu para tirar satisfação com os vizinhos, atirou no casal de moradores, voltou para seu apartamento e se suicidou.
Add a comment
Leia mais...
 
MULHER A CADA INSTANTE
Escrito por Cianorte News   
Dia 08 de março foi instituído o dia Internacional da Mulher, pela ONU, em razão das múltiplas lutas e conquistas  durante muitos anos, mais acentuado no século XX, também comemorado essa data no Brasil. Mas tenho comigo, respeitando opiniões divergentes,  “não existe um dia de mulher”. Existe a cada instante, a cada segundo, a cada minuto, pois faz parte de nossas vidas.
Add a comment
Leia mais...
 
Minimizando a Sensibilidade no Clareamento Dental
Escrito por Cianorte News   
Uma queixa muito freqüente dos pacientes submetidos ao clareamento dental é a sensibilidade, porém, com algumas precauções é possível realizar o clareamento dental com segurança e minimizar a sensibilidade. 
Add a comment
Leia mais...
 
A Mulher Que Podemos Ser
Escrito por Cianorte News   
Ao longo da história a mulher foi sendo agrilhoada sem piedade pelos costumes, submissa ao trabalho, submissa às ordens paternas se solteira, e se casada sempre submissa às ordens do marido. Mulher, ao longo da história da humanidade sempre foi destinada ao seu objetivo principal, que os homens que mandavam no mundo, entendiam que procriar era da própria natureza feminina.
Add a comment
Leia mais...
 
A sustentabilidade da inclusão socioeconômica
Escrito por Cianorte News   
Antoninho Marmo Trevisan*
A Comissão das Nações Unidas sobre Desenvolvimento, ao término de dez dias de reuniões em Nova Iorque, nos Estados Unidos, enfatizou, em 16 de fevereiro último, a necessidade de os países oferecerem à população mais pobre as condições necessárias para a superação da miséria. Em termos práticos, isso significa a realização de programas de renda mínima, educação, saúde, empregos e moradia digna para os que ainda estão alijados dos benefícios da economia.
 
O desafio é imenso, considerando os números apresentados: um bilhão de pessoas, ou cerca de 15% da população mundial, continuam lutando para ultrapassar a linha da pobreza. Nesse sentido, corre-se contra o tempo, pois em 2015 extingue-se o prazo para a solução desse problema, no âmbito dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio. Embora 600 milhões de pessoas tenham vencido a miséria desde 1990, dificilmente haverá sucesso na meta em tão curto prazo, em especial se levarmos em conta a persistência da crise econômica internacional.
 
A situação é ainda mais grave ante os dados de relatório apresentado no encontro, revelando que 80% da população do Planeta estão sem acesso adequado à proteção social. Com isso, como as nações poderão oferecer aos que vivem na pobreza as ferramentas capazes de melhorar sua situação? Há respostas pontuais a essa questão. Uma das mais eficientes foi dada pelo Brasil, conforme reitera novíssimo estudo do Banco Mundial sobre as desigualdades.
 
O relatório indica que no Brasil 22 milhões de indivíduos deixaram de ser pobres entre 2003 e 2009. Em nosso país, segundo o organismo financeiro multilateral, o índice de desigualdade social cresceu ao longo dos anos 1970 e 1980, batendo um recorde negativo global em 1989: 0.630 no índice de Gini. Pouco mudou na década de 1990. No entanto, entre 2002 e 2009, a renda dos 10% mais pobres começou a crescer 7% ao ano (quase três vezes mais do que a média nacional), enquanto a dos 10% mais ricos subia apenas 1,1%. Nesse período, a população brasileira beneficiou-se de empregos mais bem pagos, de programas de transferência de renda e de um gasto maior na educação básica.
 
Os autores do estudo salientam a importância de programas como o “Benefício de Prestação Continuada” (pago aos mais velhos) e o “Bolsa Família” para o sucesso do movimento de inclusão social. Porém, enfatizam que empregos e salários foram os principais responsáveis pela maior parte da queda na desigualdade. Portanto, é imprescindível manter o crescimento econômico, estimular os investimentos produtivos e realizar as reformas necessárias para a modernização e sustentabilidade de nossa economia, de modo que tenhamos menor carga tributária, menos burocracia, infraestrutura adequada e segurança jurídica para os negócios.
 
Caso não consigamos realizar tais lições, dificilmente teremos sucesso na complementação do processo de erradicação da miséria, que ainda atinge 16 milhões de brasileiros. O pior é que correremos o risco de um retrocesso, a exemplo do que acontece em vários países nos quais a crise econômica tem ceifado empresas, empregos e proteção social. No Brasil, conseguimos uma conquista histórica. Não podemos perdê-la pela mera incapacidade de resolver velhos problemas.
 
*Antoninho Marmo Trevisan é presidente da Trevisan Escola de Negócios, membro do Conselho Superior do Movimento Brasil Competitivo e do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social da Presidência da República.
 
Add a comment
 
CHUPETA FAZ MAL A DENTIÇÃO DA CRIANÇA
Escrito por Cianorte News   
Primeiramente, devemos lembrar que o aleitamento materno evita infecções e alergias, alem de fortalecer o vínculo da mãe com o filho, e a chupeta pode diminuir o interesse do bebê pela amamentação. 
Add a comment
Leia mais...
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Página 1 de 23

Publicidade

verbus

Anúncios Google